Ficha Técnica

Cadernos Militares
Lanceiro
1349-054 Lisboa


Calçada da Ajuda
T: 213606000 - Extensão 417397
(4.ªs feiras 15H30- 17H)
jornallanceiro@gmail.com





Locais de Venda:

- Livraria Barata - Av. de Roma, Lisboa
- Livraria Ferin - R. Nova do Almada, 70-74, Lisboa - T: 213469033
- Livraria Galiieu - Av. Valbom, Cascais
- Livraria Elcla Editora -  R. da Boavista, 591/593, Porto - T: 223321918
- Livraria Lello  - R. das Carmelitas, 144, Porto - T: 222002037
- Livraria Minerva - Coimbra
- Livraria da Ria Formosa - R. D. Vasco da Gama, Lj L - T:282788211
- Livros da Ribeira - Praça da Ribeira, 1.º, Av. 24 de Julho, Lisboa (encerrada)
- Soc. Histórica da Independência de Portugal, Largo de S. Domingos, Lisboa
 

Colaboradores: Alexandre Gonçalves, Ten-Gen Alexandre Sousa Pinto, Ângelo Freire, TCor Cav António Marcos Andrade, Gen António Martins Barrento, António Martins de Campos, Cor Cav António Monteiro da Graça, Cor Cav António Nunes de Melo, Armando Costa e Silva (F), Augusto Fialho, Carlos Carreira, TCor Cav Carlos Dias de Almeida, Carlos Passanha,  Daniel Albergaria, Eduardo Montez Nery, Eduardo Serra, Fernando Emygdio Silva, SMor Cav Fernando Lourenço, Filipe Barbeitos, Francisco d' Aguiar, TCor Cav Henrique Quinta-Nova (F), João Cardoso Pereira, João Henriques Simões, TCor Cav João Sena (senamor.blogspot.com), João Teixeira Pedro, Cor Art João Veira Borges, Joaquim Pedro Monteiro (F), Cor Cav José Banazol, José Campos Teixeira, José Capela, José Luís Alçada, JM Viçoso Caetano, Luís Alfacinha de Brito, Luís Bívar de Azevedo, Luís Ferreira, Ten RC Maria Rosa, TCor Paraq Miguel Machado, Cap Ten Med Óscar de Figueiredo, Pedro Teixeira Pinto, Cor Cav Rui Cruz Silva, RL 2, Roberto de Moraes (F), Rodrigo Sá-Nogueira (F) e Vítor Luís Rodrigues.

__________________________________________
ESTATUTO EDITORIAL DO LANCEIRO

O Lanceiro é uma publicação que se identifica com os princípios orientadores da Associação dos Antigos Oficiais de Lanceiros e com o Regimento de Lanceiros 2 que lhe deu origem.

O Lanceiro assume a vontade e o dever de defesa que tem como imperativo indeclinável de todos os Portugueses, independentemente da sua posição política ou religiosa.

O Lanceiro serve os interesses permanentes e vitais da Pátria e tem o culto da sua História.

O Lanceiro olha os Valores Militares como a expressão mais alta dos próprios deveres cívicos.

O Lanceiro honra o sentido de fidelidade e de camaradagem com a inteireza de quantos serviram lealmente e fizeram seus o espírito e as tradições da Cavalaria, do Exército e das Forças Armadas.